menu

Categorias

Marcadores

Minha história de vida.


Olá minhas leitoras criativas, hoje a pedidos da minha amiga e leitora Danielle Almeida, vou contar minha história de vida com bastante detalhes, então vamos lá:
Bom gente, eu nasci no dia 21 de março de 1996, na cidade de Chopinzinho ás 06:30 a.m e logo que eu nasci minha mãe estranhou que eu não chorei, e os médicos que fizeram o parto só me mostraram algum tempo depois toda enrolada em um pano e eu estava bem quieta e minha mãe estranhou e o médico cirurgião só contou ao meu pai que eu era portadora de uma doença chamada mielomeningocele e que eu precisaria fazer várias cirurgias, e logo no mesmo dia eu fiz minha primeira cirurgia para correção da mielomeningocele na policlínica da cidade de Pato Branco, e logo que a primeira cirurgia foi foi feita tive hidrocefalia e três dias depois tive que colocar uma espécie de válvula na minha cabeça, aí fiquei 35 dias na UTI e após esse dias fui pra casa tomar meu primeiro banho, sim eu demorei todos esses dias pra tomar banho, mas sempre passavam um paninho molhado em mim. E dias depois tentaram fazer um enxerto de pele nas minhas costas para tentar melhorar a aparência da cicatriz das minhas costas, mas a cirurgia não deu certo e logo quando meu pai foi trocar o primeiro curativo após essa cirurgia, o enxerto saiu e segundo o meu pai, dava pra ver os ossos da minha coluna pois onde estava o enxerto ficou um "buraco", e pra corrigir isso foram feitas mais três cirurgias enquanto eu ainda era um bebê.
Após todas essas cirurgias comecei a fazer fisioterapia e quando eu fiz quatro anos comecei a andar com um andador e com essa idade comecei a ir a escola que ficava próxima a minha casa e logo nessa escola sofri bullyng pela primeira vez, me lembro que discuti com um garoto e ele mordeu minha mão e quando chamaram meus pais para contar sobre o ocorrido eu não queria contar o que aconteceu e fiquei apenas chorando e segurando minha mão pra esconder a agressão que eu tinha sofrido, e o tal garoto foi expulso da escola onde eu estudava.
Fiquei um bom tempo nessa escola e nessa escola ganhei um concurso a nível nacional que não me lembro sobre o que era o tal concurso, até eu ir pro colegial na verdade, e do ensino fundamental até o ensino médio fiquei no mesmo colégio e novamente sofri preconceito e desenvolvi depressão e sindrôme do pânico, e nesse colégio onde eu passava sempre tinha alguém me olhando, fiquei sozinha na hora do intervalo por uns 4 anos, até conhecer 4 meninas mais novas que eu, que sempre conversavam comigo na hora do intervalo e depois que me formei não conversei mais com essas meninas. E algum tempo criei um blog e comecei a interagir com muita gente que eu não conhecia e algum tempo depois conheci 8 meninas que são minhas melhores amigas que eu amo muito e são as melhores amigas que alguém poderia ter.
Então gente, é isso e se gostaram deixem um comentário bejios,

6 comentários:

  1. É uma história inspiradora, de uma mulher guerreira *o*

    www.eucurtoliteratura.com

    ResponderExcluir
  2. Amei sua historia, você realmente foi forte. No lugar de muitos já teria feito loucuras.

    ResponderExcluir
  3. Você é um exemplo eve! E sua história é linda... para você, tudo de bom e vibes positivas.

    Beijos

    www.brancadomundoreal.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

DESIGN E ADAPTAÇÃO:
LARISSA SANTANA
© Data Personalizada
© Comentários